Sacerdotal Mariano

COORDENADORA: JOSEFA LEITE DA CRUZ

———-

O Movimento Sacerdotal Mariano é uma pequena semente plantada por Nossa Senhora no jardim da Santa Igreja. Em pouco tempo tornou-se árvore frondosa e estendeu os seus ramos a todas as partes do mundo.

É uma obra de amor, que o Coração Imaculado de Maria faz surgir, hoje, na Igreja, para ajudar todos os seus filhos a viverem, na confiança e esperança filial, os momentos dolorosos da purificação.

Nestes tempos de graves perigos, a Mãe de Deus e da Igreja, firme e incansável, apressa-se em ajudar, sobretudo os Sacerdotes, seus filhos de maternal predileção.

Naturalmente, são utilizados nesta obra alguns instrumentos e em particular, foi escolhido Pe. Stefano Gobbi. Por quê? Numa página do Livro, encontramos esta explicação: “Escolhi-te por seres o instrumento menos apto. Assim, ninguém dirá que esta obra é tua. O Movimento Sacerdotal Mariano deve ser Obra somente minha. Através da tua fraqueza manifestarei a minha força; através do seu nada, manifestarei o meu poder” (16 julho 73).

Portanto, o MSM não é uma, ainda que louvável, associação promovida por algum Padre ou pessoa fervorosa que lhe dera estatutos e dirigentes, é porém, “um espírito” como felizmente o intuiu o Papa João Paulo II.

É algo impalpável, mas tão forte e vivo, como são os dons de Deus e tem como finalidade principal viver a consagração ao Coração Imaculado de Maria.

Confiar-se a Maria significa, para o Sacerdote, tomar maior consciência da própria consagração feita a Deus, no dia do Santo Baptismo e da Ordenação Sacerdotal.

O MSM torna-se realidade, não em vista das estatísticas, da ressonância dos nomes, eficiência das organizações, mas da medida em que se escuta Nossa Senhora e se apoia na obra do Espírito Santo, em louvor da Santíssima Trindade. Pertence ao espírito do Movimento quem, inscrito ou não, se consagra ao Coração Imaculado de Maria, procurando viver de maneira coerente, agir em obediência e para o bem da Igreja e também ajuda os fiéis a viverem a consagração a Maria.

É um movimento que acolhe todos os Sacerdotes diocesanos e religiosos, sem distinção de idade ou de cargo. Inscrevem-se tanto Sacerdotes serenos e ardentes de zelo, como também os amargurados pelas experiências negativas pessoais e de apostolado.

O Coração de Nossa Senhora é aberto a todos os seus filhos; seus braços acolhem e unem os Sacerdotes entre si, sem classificações e sem particularismos.

A escolha de predileção não vem da parte de Nossa Senhora, pois Ela se dirige decididamente a todos: “Tudo quanto te comunico, filho, não te pertence, mas é para todos os meus filhos Sacerdotes que Eu amo com predileção” (29 Agosto 73).

A escolha efetua-se por parte de quem aceita voluntariamente o materno convite.

——-
Fonte: http://www.carissimus.com/nossasenhora/Msm/OQueEOMovimento.htm

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *